Planos de Saúde tiveram comercialização suspensa temporariamente; ação vai afetar o cliente? | Brazil News Informa



Planos de Saúde tiveram comercialização suspensa temporariamente; ação vai afetar o cliente? | Brazil News Informa



Você já tentou contratar um Plano de Saúde sem ter muitas informações sobre ele? Isso é bastante comum entre os consumidores brasileiros, que devem ficar mais atentos quanto aos serviços prestados por estes planos. Isso porque, recentemente, Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) determinou a suspensão de 70 planos de saúde.

Os planos são de várias operadoras, sendo elas: Amil, Unimed, Esmale, Santo André, Biovida e Saúde Brasil. O anúncio veio na tarde da última terça-feira, 27 de Junho, e a medida de suspensão valerá a partir do dia 30 deste mesmo mês. Te pegou de surpresa? Vejamos mais a seguir!

Assim como dito, na tarde da última terça-feira (27), a ANS anunciou que a partir do dia 30 de Junho, 70 planos de saúde terão as vendas suspensas. O motivo? O alto número de reclamações de consumidores sobre a cobertura assistencial. A medida vale para diversas operadoras.


De acordo com informações do site da agência, a decisão faz parte do Monitoramento da Garantia de Atendimento, que acompanha frequentemente o desempenho do setor e atua na proteção dos consumidores.

Cerca de 1.453.044 beneficiários ficam protegidos com a medida, já que esses planos só voltarão a ser comercializados para novos clientes caso as operadoras consigam fazer ter uma melhora no resultado no monitoramento.

Por outro lado, além das suspensões, a ANS também divulgou uma lista de planos que poderão voltar a venda. Nesse ciclo, 4 planos de 3 operadoras terão a venda liberada pelo Monitoramento da Garantia de Atendimento. Para conferir os planos reativados, veja a lista em: https://bityli.com/bJNNpy.

Por fim, também há planos que já estavam suspensos por outros motivos e que também foram suspensos pelo Monitoramento, além de planos liberados pelo Monitoramento mas que continuam suspensos por outros motivos.

Veja também: Cursos técnicos grátis do SENAI: Aproximadamente 400 vagas disponíveis, saiba mais

Quais os planos suspensos?

A Unimed Vertente do Caparaó, Unimed Norte/Nordeste e a Unimed-Rio tiveram alguns de seus planos de saúde suspensos. Em relação às duas primeiras, conforme o site da ANS, os nomes comerciais são Nacional Adesão Pos-ENF e Empresarial PP Especial, respectivamente. Já em relação à Unimed-Rio, foram 12 planos de saúde suspensos.

Por outro lado, a operadora Amil teve cerca de 40 planos colocados em suspensão pela ANS. A operadora Esmale, teve 3. Além disso, a ANS suspendeu 6 planos de saúde da operadora Santo André.

A Biovida, por outro lado, teve 1 plano de saúde suspenso. Por fim, a Saúde Brasil teve 4.

Ademais, a Agência aconselha em seu site que a população não contrate os planos de saúde presentes na lista <https://bityli.com/heBFkh>. No site, é possível verificar o número de registro das operadoras na ANS, além de verificar os nomes dos planos suspensos com mais detalhes.

Isso é relevante uma vez que a medida da ANS não afeta todos os planos de saúde, nem todas as unidades das operadoras, mas apenas as que se encontram presentes na lista.

Além disso, solicita-se que, caso o consumidor receba alguma oferta de um plano de saúde que esteja suspenso, que seja feita uma denúncia imediatamente a venda à ANS.

Monitoramento da Garantia de Atendimento

A ANS informa que o Monitoramento da Garantia de Atendimento se refere ao acompanhamento regular do acesso dos beneficiários de planos de saúde às coberturas contratadas. A divulgação dos resultados acontece a cada 03 meses.

Enfim, o Órgão ainda reforça que a cada trimestre, as operadoras são reavaliadas e, aquelas que deixarem de apresentar risco à assistência à saúde, de acordo com os moldes do referido monitoramento, são liberadas para oferecer os planos para novas comercializações; desde que os planos não estejam com a venda interrompida por outros motivos.

Veja também: CPAT oferta mais de 5 mil vagas em cursos de qualificação; torne-se um profissional de forma gratuita

Quais boas opções de operadoras de planos de saúde no país?

De acordo com lista divulgada realizada com base nos dados da Agência Nacional de Saúde, a ANS, o país conta com opções de operadoras que oferecem planos de saúde consideradas boas.

Sendo assim, configuram nas primeiras colocações da lista as seguintes operadoras: Bradesco Saúde, SulAmérica, Hapvida, Grupo Notre Dame, dentre outros.

Em seu site, a ANS possui uma lista na qual é possível conferir a listagem com as notas feitas no ano base de 2020 para 2021. Para acessar a página, pode-se usar o link: https://bityli.com/jHolq.


Fonte: Pronatec

Postar um comentário

0 Comentários