Petrobras quer contratar 734 jovens aprendizes no Brasil: 181 no estado do Rio | Brazil News Informa



Petrobras quer contratar 734 jovens aprendizes no Brasil: 181 no estado do Rio | Brazil News Informa


A Petrobras vai abrir neste site, a partir de segunda-feira (18), inscrições para o Programa Petrobras Jovem Aprendiz (PPJA), de qualificação profissional de adolescentes e jovens. Sao 734 vagas no pais voltadas a candidatos entre 14 e 22 anos e três meses que estejam cursando a partir do 7° ano do ensino fundamental ou que já tenham finalizado o ensino médio. No estado do Rio são 181 oportunidades, sendo 90 para a capital, 50 para Duque de Caxias, 21 para São Gonçalo e 20 para Nova Iguaçu.

Pela primeira vez, adolescentes em situação de acolhimento institucional, como casa lar, abrigo, casa de passagem e residência inclusiva terão uma cota de 15% das vagas oferecidas. Continuam reservadas vagas para pessoas com deficiência e adolescentes egressos de trabalho infantil, como nos programas anteriores.

O programa irá oferecer cursos profissionalizantes pelo Senai de cada região nas áreas de assistente de logística, assistente administrativo, auxiliar de caldeireiro, auxiliar de linha de produção, eletricista industrial, eletricista predial, encanador hidráulico, instalador de tubulações prediais de gás combustível, mecânico de bombas motores, compressores e equipamentos de transmissão, mecânico de manutenção, mecânico industrial, operador de suporte técnico em tecnologia da informação, programador WEB e soldador.

Todos os estudantes que não tenham concluído o ensino médio precisam comprovar matrícula e frequência em suas respectivas séries, no momento da admissão. Os aprovados no processo de recrutamento e seleção cumprirão jornada de trabalho de 4 horas diárias, de segunda a sexta-feira, durante o período de 20 meses e terão direito a um salário-mínimo e outros benefícios, como 13º salário, férias, vale-transporte e plano de previdência complementar opcional. Além das aulas de capacitação e atividades de prática profissional no Senai, também poderão fazer visitas técnicas às instalações da Petrobras.

Fonte: Extra

Postar um comentário

0 Comentários