Ladrão tira 'cochilo' em telhado de casa e é preso em Governador Valadares | Brazil News Informa



Ladrão tira 'cochilo' em telhado de casa e é preso em Governador Valadares | Brazil News Informa





Um ladrão desastrado. Graças a isso, a Polícia Militar prendeu, na manhã desta terça-feira (15/2), no Bairro Esperança, em Governador Valadares, um ladrão de fios de cobre, que foi pego dormindo, entre a laje e o telhado de uma casa vizinha à que ele tinha roubado. O suspeito não se preocupou, sequer, em se esconder direito e a PM supõe que ele estivesse tonto ou sob efeitos de drogas.

Mochila e fiação roubada que estavam em poder do ladrão desastrado© PMMG Mochila e fiação roubada que estavam em poder do ladrão desastrado
Os roubos de fiações vêm acontecendo com frequência no Bairro Esperança, no entanto, a PM não tinha nenhuma pista de quem seria o ladrão. Mas o descuido do homem, na madrugada desta terça-feira, acabou por elucidar os crimes e levá-lo à prisão.

Ao acordar, a vizinha de fundos da casa que estava em construção e que tinha sido roubada - esta não foi a primeira vez, pois, o proprietário já havia registrado pelo menos duas queixas desse tipo de roubo -, se dirigiu à cozinha para fazer o café da manhã, mas ao olhar para o quintal, estranhou ao ver um braço e o joelho saindo da laje, logo abaixo do telhado.

Sorrateiramente, ela saiu da cozinha, procurando não fazer barulho, foi até a sala e ligou para a PM, que enviou uma viatura à casa. Ao chegar ao local, os policiais foram levados pela mulher até o seu pequeno quintal. Os policiais subiram na laje e pegaram o homem, que dormia tranquilamente.

Ao ser acordado, assustado, o homem se agarrou a uma mochila que estava ao seu lado. Lá dentro, os militares encontraram vários fios roubados na casa em construção.
Os policiais também encontraram uma bicicleta e uma turquesa, de propriedade do ladrão, que usava o equipamento para cortar os fios e a bicicleta para fugir dos locais de roubo. Ele foi levado para a Delegacia de Furtos e Roubos de Governador Valadares.



Postar um comentário

0 Comentários