PR: Pai é acusado de falso abuso contra filho e é espancado até a morte, diz a polícia | Brazil News Informa



PR: Pai é acusado de falso abuso contra filho e é espancado até a morte, diz a polícia | Brazil News Informa




No dia 5 de dezembro de 2021, João Philip Gonçalves Nunes, de 23 anos, foi morto espancado na Cidade Industrial de Curitiba (PR). Isso ocorreu após ele ter sido acusado falsamente pela ex-companheira, 27, de ter abusado do filho, de 4. Na sexta-feira (21), o suspeito, 19, de ter sido o mandante do assassinato foi preso. As informações são do portal Band B.

Segundo a Polícia Civil, o casal ficou junto por três anos e teve um filho. Em 2019, o relacionamento chegou ao fim e o pai, João Philip, ficou com a guarda do garoto.

A mãe do menino, que não teve o nome revelado, iniciou um outro relacionamento e foi com o atual namorado até Curitiba para passar alguns dias com o filho.

De acordo com o delegado Thiago Nóbrega, ela não devolveu o garoto para o pai e ainda “espalhou um boato que ele tinha abusado do filho, mas era mentira”.

“Comprovamos por laudos periciais que ele não abusou o filho e que o menino, inclusive, gostava do pai”, completou.

No entanto, isso não impediu que ele fosse espancado. Segundo o delegado, seis pessoas estariam envolvidas no crime. Na última sexta-feira, o suspeito de ser o mandante do linchamento foi preso.

“Precisamos localizar, principalmente, a criança desaparecida juntamente com a mãe e o atual namorado dela. Ambos tiveram as prisões temporárias decretadas. Os dois estão foragidos”, afirmou o delegado.


Fonte:  IstoÉ

Postar um comentário

0 Comentários