Advertisement

Responsive Advertisement

Novo Bolsa Família, um novo valor e disponível essa semana. | Brazil News Informa



Novo Bolsa Família, um novo valor e disponível essa semana.


 



Desde o primeiro momento em que se determinou que o auxílio emergencial não seria ampliada, grande parte da população bem como da ala política passaram a questionar e pressionar o governo, para que a população mais vulnerável não sofresse prejuízos por causa da economia.

Diante da nova situação incerta, o governo federal decidiu reorientar os subsídios familiares e não conseguiu estabelecer um novo programa social de distribuição de renda

Na ausência de ação formal, Onyx Lorenzoni, ministro da Relações Civis do DEM-RS, relatou em entrevista ao programa Direto ao Ponto da Jovem Pan que o novo modelo do Bolsa Família e medidas para liberação de cifras produtivas de microfinanças foram finalizados. Deve ser lançado no final de janeiro.

Pasta pronta

Segundo comunicado da Onyx, a carteira do Bolsa Família com novas mudanças está pronta e atualmente aguarda a aprovação do presidente Jair Bolsonaro. Em nota, Onyx disse: “O presidente tem que autorizar a gente dar uma nova bolsa. Será o Bolsa Família. Não há porque mudar. É um procedimento a que as pessoas estão acostumadas.

 “Estamos trabalhando muito para lançar o novo Bolsa Família no final deste mês. O ministro disse em entrevista à Jovem Pan:“ Acho que tudo está caminhando nessa direção. "

Depois que o ministro deu à Jovem Pan o motivo da afirmação, já que o anúncio do novo plano deveria ocorrer em janeiro e pensava que chegamos na última semana do mês, tudo mostra que ainda nesta semana, podemos ter informações sobre Notícias específicas do Bolsa. família.

Segundo mensagem do ministro, o Bolsa Família pode pagar um ticket de mais de R$ 200, e isso é para liberar a família “Vamos dar garantia para as famílias. Se a pessoa se empregou e perdeu o emprego por algum motivo, pode voltar para o programa, sem entrar na fila”, explicou.

“Vamos dar garantia para as famílias.

Se a pessoa se empregou e perdeu o emprego por algum motivo, pode voltar para o programa, sem entrar na fila”, explicou.

Onyx afirmou ainda que os recursos utilizados virão do orçamento federal previsto para este ano.“Fizemos caber o novo Bolsa dentro dos R$ 35 bilhões que o orçamento nos reserva para 2021. Nós fizemos tudo que podíamos em 2020, não pedimos um centavo a mais em nenhum programa do Ministério da Cidadania. É um aprofundamento fiscal que não tem espaço para inventar, tem espaço para ser criativo e fazer um programa diferente, mais direcionado”, finalizou.

Escrito por: Lucas Araujo, Brazil News Informa

Postar um comentário

0 Comentários