Publicidade

Dinheiro esquecido em bancos poderá ser resgatado via Pix; valor a receber chega a R$ 6 bilhões | Brazil News Informa

Dinheiro esquecido em bancos poderá ser resgatado via Pix; valor a receber chega a R$ 6 bilhões | Brazil News Informa

O Sistema de Valores a Receber (SVR), que permite o resgate de dinheiro esquecido em bancos e outras instituições financeiras, será reaberto às 10h desta terça-feira (7) e traz diversas novidades.

Entre elas, a possibilidade de que o resgate dos valores seja feito via Pix.

Na nova versão do sistema, o usuário deverá selecionar uma de suas chaves Pix se quiser solicitar o resgate de valores diretamente via SVR.

Na versão anterior do programa, o usuário podia informar dados de contato sem indicar a chave Pix, mas, em muitos casos, os usuários não atendiam aos telefonemas nem respondiam às mensagens das instituições, com receio de golpes, esclarece o BC (Banco Central).

Entre as outras novidades apresentadas pelo BC, também estão a consulta de valores de pessoas falecidas e uma sala de espera virtual, para o caso de haver várias consultas simultâneas que poderiam travar o acesso ao sistema.

A consulta para saber se há valores a receber em bancos e outras instituições foi reaberta na terça-feira (28) por meio do site valoresareceber.bcb.gov.br.

Principais mudanças do sistema

Estas são as principais mudanças do sistema:

• Módulo de consulta a valores a receber de pessoa falecida

• Sala de espera virtual caso o número de pessoas seja maior do que a capacidade do sistema. Esse mecanismo possibilita manter o SVR aberto por prazo indeterminado e com o acesso sem necessidade de novos agendamentos

• Disponibilização de todos os tipos de valores previstos na norma do SVR, ampliando a possibilidade de valores a receber

• Botão para imprimir, salvar e compartilhar, inclusive por WhatsApp, as telas e os protocolos de solicitação do SVR, facilitando o acesso e a guarda das informações do sistema

• Informações sobre contas conjuntas solidárias. Se um dos titulares solicitar o valor via SVR, o outro, ao entrar no sistema, conseguirá ver as informações da solicitação: valor, data e CPF de quem solicitou.

De acordo com o BC, 38 milhões de CPFs e 2 milhões de empresas têm algum valor esquecido em contas à espera de resgate.

Como vai funcionar a sala de espera virtual?

Segundo o Banco Central, a sala de espera virtual do novo SVR vai funcionar de forma semelhante à compra de ingressos. Quando muitas pessoas quiserem entrar no sistema ao mesmo tempo, será criada uma fila, que substitui o agendamento usado no ano passado.

O sistema vai informar o número de pessoas na frente do usuário e a estimativa de tempo de espera. Sem fechar a página da fila virtual, o sistema vai informar quando chegar a vez do cidadão e ele terá até 5 minutos para fazer login com a conta gov.br.

Como fazer a consulta do dinheiro esquecido?

A consulta para saber se a pessoa tem dinheiro esquecido pode ser feita pelo site valoresareceber.bcb.gov.br

1. Como consultar valor a receber de pessoa física viva ou falecida

As pessoas físicas precisam informar CPF e data de nascimento. No caso de pessoas falecidas, os dados são os mesmos, mas para resgatar os valores é preciso ser herdeiro, testamentário, inventariante ou representante legal

2. Como consultar o valor a receber de empresas

No caso das empresas, é preciso informar o número do CNPJ e a data de abertura.

Como fazer o resgate do valor?

Para fazer o resgate desse valor, é preciso acessar o SVR (Sistema de Valores a Receber) a partir da terça-feira (7), às 10h, fazendo o login com a conta gov.br.

Para valores de pessoa física, por causa do sigilo bancário, a conta gov.br precisa ser nível prata ou ouro.

Para valores de pessoa jurídica, a conta gov.br deve ter o CNPJ vinculado.

Fonte: R7

Postar um comentário

0 Comentários