Publicidade

Eduardo Bolsonaro diz que foi ao Catar levar pen-drives | Brazil News Informa

Eduardo Bolsonaro diz que foi ao Catar levar pen-drives | Brazil News Informa

Pegou mal! Depois de ser flagrado pela transmissão oficial da FIFA na Copa do Mundo do Catar 2022, o deputado federal Eduardo Bolsonaro (PL/SP) gravou um vídeo para justificar sua presença em meio ao evento internacional, que gerou uma grande onda de críticas, especialmente dos manifestantes golpistas que pedem a permanência de Bolsonaro no poder e a intervenção das forças armadas contra a eleição de Lula (PT).

Nas imagens que circulam em grupos bolsonaristas, Eduardo Bolsonaro afirma que foi ao Catar para levar pen-drives com “vídeos em inglês explicando a situação no Brasil”. Além disso, ele defende que estaria fazendo "comunicação internacional".

No vídeo em questão, Eduardo mostra vários pen-drives e descredita as críticas que vem sofrendo. “Espero que você não creia que aqui no Catar só se fala em Copa do Mundo. A Fifa tem mais membros que as Nações Unidas. A imprensa inteira está aqui”, dispara.

Se já não bastasse o desgaste provocado, o deputado federal reeleito também criticou aliados que, em suas palavras, “cerram fileiras” com a esquerda e fazem ataques a ele. “Será que você não consegue perceber a importância da comunicação internacional?”, pondera.

FLAGRANTE

O filho "03" do presidente derrotado no segundo turno das Eleições 2022 viajou acompanhado da esposa para o país-sede da Copa do Mundo, mas não mencionou, nem compartilhou nada com seus seguidores nas redes sociais.

A presença de Eduardo Bolsonaro no mundial só foi revelada quando o casal apareceu na transmissão do canal "Cazé TV", do youtuber Casimiro, na segunda-feira (28), durante a partida entre Brasil x Suíça. Confira!

Após a aparição repercurtir nas redes sociais, golpistas que protestam na porta de quartéis contra o resultado das eleições se revoltaram com a conduta, onde muitos chegaram a se declarar "traídos" pela atitude do filho de Bolsonaro. Inclusive, circula um apelido inusitado designado ao deputado: "radical de ar-condicionado".



Fonte: DOL



Postar um comentário

0 Comentários