Publicidade

Ladrão derruba ciclista na Imigrantes e rouba bicicleta de R$ 15 mil; veja | Brazil News Informa

Ladrão derruba ciclista na Imigrantes e rouba bicicleta de R$ 15 mil; veja | Brazil News Informa

A polícia investiga a ação de um bando que atacou ciclistas na rodovia dos Imigrantes, na região de Diadema, na Grande São Paulo, na manhã do último domingo (25). Em um vídeo, é possível ver o grupo invadindo a pista e derrubando um deles.

O personal trainer Guilherme Trevisani, 46, teve a sua bicicleta e seu celular levados. Ele registrou um boletim de ocorrência eletrônico logo após o crime, ocorrido, segundo ele, por volta das 7h30.

Trevisani afirmou à Folha, no início da tarde desta terça (27), que treinava às margens da rodovia, na altura do km 18, com sua bicicleta Trek Domane, acompanhado de dois colegas, quando foi atacado.

A bicicleta roubada está avaliada em cerca de R$ 15 mil.

A Polícia Civil afirmou que, até a publicação desta reportagem, não havia encontrado o boletim de ocorrência eletrônico sobre o caso, mas que já tentava identificar os homens que aparecem nas imagens. A Ecovias, concessionária que administra a estrada, diz não ter sido acionada.

A vítima chegou a sair do acostamento e invadir a pista dos carros para tentar fugir dos criminosos, porém acaba derrubada. "Eu não tive como ver se vinham carros e isso prejudicou para tentar evitar a abordagem do ladrão. Foi tudo muito rápido", relatou Trevisani.

Após cair, os criminosos foram para cima dele e, um deles, retirou o celular do bolso do ciclista. Durante a abordagem, acrescentou, os ladrões questionaram se ele estava armado. Em seguida, pularam um guard-rail e fugiram com a bicicleta em direção a uma favela, às margens da rodovia.

Com a queda, o capacete de Trevisani quebrou. O ciclista ficou levemente ferido, com alguns arranhões.

A ação dos bandidos foi registrada pela câmera de um amigo do personal trainer, que seguia logo atrás dele. O trio havia feito o mesmo trajeto no dia anterior. "Treino ciclismo de forma amadora. Sou um entusiasta do esporte", disse a vítima.

Após o assalto, um motorista que trafegava pela via deu carona para os três amigos e os deixou no estacionamento de um shopping, na zona sul da capital paulista.

O personal trainer afirmou que também usava a bicicleta como meio de transporte. Enquanto não a recupera, ou compra uma nova, ele usa um carro, meio de transporte que havia deixado de usar havia um ano e meio.

A esposa de Trevisani, a comerciante Patrícia Araújo, 41, organizou uma vaquinha online para que ele consiga adquirir uma nova. Até a publicação desta reportagem, 94 pessoas haviam contribuído com R$ 13.120.

Fonte: Folha de S. Paulo



Postar um comentário

0 Comentários