Publicidade

Detento que denunciou sofrer ‘tortura com Baby Shark’ é encontrado morto em cela | Brazil News Informa

Detento que denunciou sofrer ‘tortura com Baby Shark’ é encontrado morto em cela | Brazil News Informa

O preso John Basco, de 48 anos, foi encontrado morto em sua cela no domingo (11), no condado de Oklahoma, nos Estados Unidos. De acordo com os responsáveis pelo centro de detenção, ele foi encontrado inconsciente por funcionários do presídio.


De acordo com a mídia internacional, em 2019, o preso havia entrado com um processo contra o presídio após ele e outros presos terem sido forçados a ouvir repetidamente a música infantil “Baby Shark” por horas. Na época, três funcionários foram demitidos e acusados de contravenção.

John Basco, que tem histórico de condenações desde 1990, estava solto, mas foi preso novamente na quinta-feira (8) por tráfico de drogas. O advogado dele, Cameron Spradling, disse ao The Oklahoman que considerou as circunstâncias da morte de Basco “perturbadoras”.

O defensor pediu a preservação de todas as evidências à medida que a investigação do Departamento de Investigação do Estado de Oklahoma se desenrola.

O porta-voz da prisão, Mark Opgrande, disse que não há sinais óbvios de crime e que os investigadores vão apurar a possibilidade de uma overdose de drogas. O Instituto Médico Legal do Estado determinará a causa da morte do preso.

Ainda conforme a mídia internacional, a morte de John Basco é a 14ª neste ano na cadeia, que tem enfrentado críticas por mortes de detentos, fugas e outros incidentes.

Fonte: IstoÉ



Postar um comentário

0 Comentários