Publicidade

Vídeo: Mãe agride diretora da creche do filho com chineladas no rosto em Goiânia | Brazil News Informa

Vídeo: Mãe agride diretora da creche do filho com chineladas no rosto em Goiânia | Brazil News Informa

A mãe de um aluno do Centro Municipal de Educação Infantil (Cmei) Jardim Primavera é suspeita de agredir a diretora da creche com chineladas no rosto, em Goiânia (veja o vídeo acima). A agressão aconteceu nesta segunda-feira (29), segundo a Secretaria Municipal de Educação (SME). A diretora e a mãe foram prestar depoimento na Polícia Civil.

A Secretaria Municipal de Educação de Goiânia disse que repudia qualquer situação de violência e que ao tomar conhecimento do fato enviou uma equipe de apoio técnico e pedagógico ao Cmei Jardim Primavera (leia a íntegra ao final).

De acordo com a diretora, que preferiu não se identificar, as agressões começaram após a mulher levar o filho, de 3 anos, para a creche e a professora identificar que a criança estava com febre e pedir para levá-lo de volta para casa.

A mãe insistiu para que o menino ficasse na creche e a diretora não aceitou, seguindo os protocolos sanitários da SME contra a Covid-19. A partir daí, começou uma confusão.

No vídeo é possível ver que a mãe do aluno pega o chinelo que estava calçando e corre em direção à diretora quando percebeu a filmagem do momento. A mulher dá duas chineladas no rosto da docente.

Um homem entra na confusão e aparta a briga, mas a mãe volta a agredir a diretora. Assustados, os funcionários do Cmei pedem para alguém ligar para a polícia. Durante a filmagem, a mulher ameaça a diretora de morte.

Nota da Secretaria Municipal de Educação de Goiânia

Nota da A respeito das solicitações deste veículo de comunicação, a Secretaria Municipal de Educação (SME) informa o que se segue:

- A Rede Municipal de Ensino trabalha de forma permanente com uma política de cultura de paz e repudia qualquer situação de violência, seja contra servidores públicos ou estudantes.

- Ao tomar conhecimento do episódio, a SME Goiânia enviou imediatamente uma equipe de apoio técnico e pedagógico ao CMEI Jardim Primavera.

- Além disso, a pasta acionou uma equipe de mediação de conflitos para estabelecer diálogo e apoiar a direção da unidade educacional, que procurou o 22º Distrito Policial para registrar um boletim de ocorrência.

- O caso aconteceu nesta segunda-feira (29/8) após uma auxiliar de atividades educativas constatar alteração na temperatura e orientar a mãe a levar o filho matriculado no Cmei à uma unidade de saúde.

Fonte: G1

Postar um comentário

0 Comentários