Caixa libera dinheiro esquecido para quase 500 mil brasileiros | Brazil News Informa



Caixa libera dinheiro esquecido para quase 500 mil brasileiros | Brazil News Informa


Muita gente pode estar perdendo a chance de ter a acesso a uma boa grana e nem sabe disso. Segundo o Ministério do Trabalho e Previdência, cerca de 478 mil trabalhadores ainda não sacaram o abono salarial PIS/Pasep com ano-base 2020, pago mas cedo neste ano.

Desse total, 125.624 são funcionários de empresas privadas que não sacaram o PIS pela Caixa Econômica Federal. Outros 353.100 são servidores públicos que não retiraram o Pasep pelo Banco do Brasil.

O valor chega a um salário mínimo (R$ 1.212) por pessoa, de acordo com a quantidade de meses trabalhados em 2022. O prazo para resgatar os recursos vai até o dia 29 de dezembro.

Regras do abono PIS/Pasep

O benefício é liberado ao trabalhador que se enquadra em todas as regras para receber, sendo elas:
  • Estar cadastrado no PIS/Pasep há, no mínimo, cinco anos;
  • Ter trabalhado por pelo menos 30 dias para pessoa jurídica, consecutivos ou não, no ano-base;
  • Ter recebido remuneração média mensal de até dois salários mínimos no ano-base; e
  • Estar com os dados corretos atualizados pelo empregador na Relação Anual de Informações Sociais (RAIS)/eSocial.
Ficam de fora dos pagamentos os trabalhadores rurais empregados por pessoa física; empregados domésticos; trabalhadores urbanos empregados por pessoa física; e trabalhadores empregados por pessoa física, equiparada a jurídica.

Onde sacar o PIS/Pasep?

Quem tem direito ao PIS só precisa comparecer à uma agência da Caixa, agência lotérica ou terminal de autoatendimento da Caixa para sacar o dinheiro. Já o Pasep fica disponível nas agências do Banco do Brasil, mediante apresentação de documento de identificação com foto.



Fonte: EditalConcursos

Postar um comentário

0 Comentários