Publicidade

Hospital emite nota e finalmente descobre o que há com Virgínia | Brazil News Informa



Hospital emite nota e finalmente descobre o que há com Virgínia | Brazil News Informa


O hospital Vila Nova Star, em São Paulo, onde Virgínia Fonseca está internada, emitiu um boletim sobre o quadro clínico da influencer, nesta segunda-feira (17/5), após, finalmente, descobrir o que há com a mãe de Maria Alice. Ela sofre de cefaléia refratária e terá de continuar em tratamento médico.

A cefaléia refratária ou a enxaqueca refratária, é aquela na qual todos os tratamentos convencionais foram tentados, mas nada deu certo. Com isso, Virgínia terá de continuar internada e em assistência médica. Geralmente, estes pacientes já passaram por diversos médicos, fizeram muitos exames, tomam muitos remédios mas seguem com a dor de cabeça aguda todos os dias, o que atrapalha o seu dia a dia fora da sedação.

Leia a nota à íntegra:

“São Paulo, 17 de maio de 2022 – O Hospital Vila Nova Star informa que a senhora Virgínia Pimenta da Fonseca Serrano está internada desde o dia 15 de maio de 2022 devido a um quadro de cefaleia refratária à analgesia convencional. A paciente está no quarto, estável e consciente, recebendo medicações venosas para controle da dor. A avaliação obstétrica diária demonstra que a gestação transcorre normalmente, sem intercorrências, e o feto encontra-se com boa vitalidade”.

Entenda como Virgínia foi parar no hospital

Queixando-se de fortes dores de cabeça desde a madrugada de sábado (14/5), a influenciadora procurou um hospital, foi medicada e liberada após ser diagnosticada com uma crise de enxaqueca. Apesar de não ter acompanhado Zé Felipe em um show que ele faria na cidade, Virginia seguiu viagem com ele neste domingo (15/5), com destino ao Rio de Janeiro.

Celebridades

Internada, Virginia choca fãs ao fazer publicidade da cama de hospital
No entanto, a influencer persistiu com as queixas de dor de cabeça e decidiu parar em São Paulo e procurar um hospital para realizar uma série de exames, visto que os sintomas não desapareceram e desde então segue hospitalizada.

Fonte: Metrópoles 

Postar um comentário

0 Comentários