Vídeo: Carro abarrotado de móveis e eletrodomésticos viraliza nas redes sociais | Brazil News Informa



Vídeo: Carro abarrotado de móveis e eletrodomésticos viraliza nas redes sociais | Brazil News Informa





Edson Benjamin Ferreira transita pelo bairro Barreiro, em Belo Horizonte (MG), com o seu Fiat 147 abarrotado de móveis e eletrodomésticos. Algumas pessoas viam pensavam que se tratava de uma mudança, mas ele trabalha comprando e vendendo sucata. As informações são do G1.

“O povo acha interessante pela quantidade de sucata que eu coloco em cima do carro, sem bagageiro. Eles ficam admirando, acham bacana”, disse Edson Benjamin, conhecido como Ed Sucateiro.

Reprodutor de vídeo de: YouTube (Política de Privacidade, Termos)
No vídeo, que viralizou nas redes sociais, um motorista ficou impressionado com a quantidade de coisas que haviam no carro de Edson e, por isso, se aproximou para registrar.

Em entrevista ao G1, Edson relatou que trabalha de domingo a domingo e é da sucata que tira o dinheiro para pagar o aluguel e as contas de sua casa.

Carros em más condições

Ed Sucateiro admitiu que o seu Fiat 147, de 1982, está em ás condições.

“Um dia o pneu estourou comigo, estava muito careca. Por falta de dinheiro, não tinha nem estepe. Eu andei uma boa distância até minha casa, com a sucata em cima e o pneu furado. Também já saí com pouca gasolina. Teve dia que não achei nada. Deixei o carro em lugar seguro e fui buscar ajuda.”

Para ele, uma caminhonete seria o ideal para trabalhar. “Eu amarro tudo muito bem amarrado, nunca caiu nada na rua. Mas, eu tenho uma grande vontade e necessidade de possuir um carro melhor para trabalhar, uma caminhonete maior. Para também atender às pessoas com mais dignidade.”

Por mais que seja o seu ganha pão, a Empresa de Transporte e Trânsito de Belo Horizonte (BHTrans) informou que veículo “com suas dimensões ou de sua carga superiores aos limites estabelecidos legalmente ou pela sinalização, sem autorização configura em infração grave”.


Fonte: IstoÉ

Postar um comentário

0 Comentários