Saiba como ter desconto de até 70% nas compras por apps | Brazil News Informa



Saiba como ter desconto de até 70% nas compras por apps | Brazil News Informa






que afere a inflação no Brasil, apresentou alta de 10,54% no acumulado de fevereiro de 2021 a fevereiro de 2022. Para contornar a situação, plataformas de compras em grupo voltaram a se popularizar, atraindo consumidores esperançosos por bons descontos.

Plataformas de compras em grupo não são novidade no mercado de e-commerce, que tem lançado estratégias cada vez mais agressivas para conquistar clientes. A promessa da vez é por descontos de até 70%.

Isso mesmo, os aplicativos lançam ofertas e as condicionam a um número mínimo de compradores. Se esse número for atingido dentro do prazo estipulado, a promoção é ativada e o cliente recebe um cupom por email ou no próprio aplicativo para finalizar o negócio.

A ideia é que os próprios interessados ajudem a viralizar as promoções, atraindo novos participantes para atingir a cota necessária. Quanto mais elas forem compartilhadas, mais o preço pode cair.   

Gigante varejista também já embarcou na febre dos apps de compras em grupo
 Gigante varejista também já embarcou na febre dos apps de compras em grupo | ( Reprodução )
  
PLATAFORMAS

Na plataforma Facily, uma das primeiras a serem lançadas no país, em 2018, o catálogo inclui 190 mil produtos, de eletrônicos até roupas, segundo a empresa. Mas são os alimentos e produtos de higiene pessoal e limpeza que mais fazem sucesso. No aplicativo são vendidos até alimentos perecíveis, como frutas e verduras — uma das razões para sua popularização durante a pandemia de Covid-19.

De olho na oportunidade, o Magazine Luiza também lançou, recentemente, em seu aplicativo, a função Compra Junto. Ela oferece preços de atacado, com descontos de até 55% para os usuários que conseguirem formar um grupo interessado. Na estreia, por exemplo, um iPhone 11 podia ser adquirido por R$ 3,8 mil, bem abaixo dos R$ 4.999 na loja tradicional.

O app também dá a opção de comprar individualmente com desconto. No entanto, o percentual é menor do que na compra coletiva. 

TENDÊNCIA

O modelo de compras coletivas já foi febre no Brasil, com os sites de cupons. Os maiores players dessa modalidade, Peixe Urbano e Groupon, encerraram suas atividades nos últimos dois anos.

De acordo com especialistas, o modelo de negócio com cupons foi ficando ultrapassado, especialmente porque, via de regra, as empresas ofereciam as mesmas ofertas para os clientes.

Confira quais são os carros mais econômicos no Brasil

Além disso, faltava integração com as redes sociais, uma falha já bem resolvida nos apps atuais. Para o especialista em transformação digital, Fernando Moulin, embora ainda enfrente desafios, essa nova modalidade tende a crescer, principalmente com a entrada de uma grande rede varejista e uma maior exposição das ofertas nas mídias digitais.

DICAS PARA COMPRAR

- Preste atenção às regras e informações referentes a cada promoção;

- Confira o valor do desconto e acompanhe o prazo para expirar e a adesão;

- Verifique também o prazo de validade e as regras de utilização do cupom de desconto, especialmente ao adquirir serviços;

- Fique esperto: é possível que, ao demonstrar interesse na oferta, a empresa já reserve o valor do produto no cartão de crédito informado;

- Caso sua encomenda não chegue no prazo informado, notifique a empresa através dos canais próprios de atendimento e denúncia. No caso da Facily, há a possibilidade de cancelar o pedido atrasado diretamente no site da empresa. Lembre-se de anotar o número do protocolo;

- Registre uma notificação no Procon do seu estado em caso de problemas com a compra.

Fonte: UOL

Postar um comentário

0 Comentários