Advertisement

Responsive Advertisement

Auxílio Emergencial vai ser prorrogado após quarta parcela? | Brazil News Informa


Auxílio Emergencial vai ser prorrogado após quarta parcela? | Brazil News Informa

O Auxílio Emergencial se transformou em uma alternativa para milhões de brasileiros se alimentarem em meio a enormes dificuldades econômicas ocasionadas pela pandemia da Covid-19. Inicialmente, o Auxílio Emergencial de 2021 teria apenas quatro parcelas, porém, vai ser prorrogado, garante Ministério da Economia.

Até o momento, não existe nada oficial em relação a prorrogação do auxílio, entretanto, os comentários de membros do governo federal indicam que haverá mais duas ou três parcelas do benefício em 2021. Veja abaixo mais detalhes sobre a situação atual.

Auxílio Emergencial 2021: Principais dúvidas

No último dia 23 de junho, o ministro da Economia anunciou que o Auxílio Emergencial será prorrogado por pelo menos mais três meses: “O presidente deve anunciar, talvez ainda nesta semana, mais três meses de auxílio“, destacou o ministro em evento na Fiesp.

Até quando o benefício será pago? 

O ministro destaca que a ideia do governo federal é pagar o benefício até que toda a população do Brasil esteja vacinada. Neste exato momento, há um enorme otimismo em relação a prorrogação, todavia, nenhum projeto foi aprovado para que o anúncio oficial seja realizado.

Hoje, não existe uma previsão certeira de como irá ocorrer a vacinação no Brasil. A expectativa é que a vacinação avance no segundo semestre, porém, muitos atrasos vem acontecendo em relação a vacinação nos últimos meses. Por conta disso, tudo é especulação no momento.

Qual seria o valor das parcelas?

A prorrogação do Auxílio Emergencial 2021 deve acontecer pelos mesmos valores atuais.
Atualmente, varia entre R$ 150 e R$ 375, quantia que muda de acordo com a composição familiar. Após o fim do pagamento do Auxílio, que deve ocorrer no mês de outubro, o governo federal já prepara um novo super benefício. Se trata de um Bolsa Família turbinado, onde os valores deverão ser mais elevados.

Postar um comentário

0 Comentários